Notícias

Em entrevista Goretti Reis fez críticas ao prefeito de Lagarto

30 de novembro de 2017 às 11:04

A deputada estadual, Goretti Reis (PMDB) foi entrevistada na manhã de hoje, 30, no programa do vereador e radialista JC, da Rádio Progresso AM em Lagarto e na ocasião fez duras críticas ao prefeito Valmir Monteiro(PSC) sobre o mercado e o matadouro daquele município.

Para a parlamentar o prefeito Valmir não está preocupado com a questão social e sim com a financeira. “Ele quer dinheiro por isso não se preocupa com o mal que está causando para os que trabalham no mercado. A prefeitura poderia ter feito uma concessão de uso para que os feirantes tivessem direito de trabalhar no Mercado Municipal José Correia Sobrinho, previsto para ser aberto no dia 11. Temos pareceres do Ministério Público Estadual O prefeito não tem sensibilidade, e a única coisa que ele tem interesse é saber o quanto vai arrecadar”, pontuou Goretti que lamentou a ação de Valmir e usou o exemplo da Universidade Tiradentes em Lagarto, que conseguiu permissão de uso de um prédio para funcionamento na cidade, após projeto ter recebido aval da Câmara de Vereadores.

A situação do matadouro de Lagarto também é preocupação de Goretti. “São 300 famílias que poderão ficar sem trabalho caso o matadouro não passe por uma reforma até o mês de janeiro, prazo determinado pelo Ministério Público para que o local seja adequado aos critérios de higiene. Ele está fazendo uma reforma no mercado antigo e vai gastar mais de 1 milhão de reais. Poderia muito bem, antes disso, atentar para a situação do matadouro já que o prazo está se esgotando. Se isso acontecer e nada for feito muitas famílias poderão ficar desamparadas”, finalizou a parlamentar.